ARQUIVOS ENCONTRADOS EM "Paris"

Chanel goes grocery shopping!

5 mar , 2014
Por: Fernanda Guimarães

Enquanto estávamos aproveitando o carnaval aqui no Brasil, aconteceu ontem no Grand Palais, em Paris, o desfile fall/winter 2014 da Chanel! Quase nunca falamos sobre os desfiles por aqui, mas estou tão apaixonada por esse que não pude deixar passar! Com tema “Chanel Shopping Center”, vimos o cenário todo de supermercado, todo grifado de Chanel, claro! Ovos, água, pães e outros diversos produtos com nomes que se relacionam à marca e embalagens de babar!!

Com direito a carrinho e cestinha de compras, as modelos apareceram com leggings rasgadas, looks de alfaiataria ampla, tênis e um rabo de cavalo que chamou a atenção!

Mais uma vez Karl Lagerfeld se superou e encantou a todos com tamanha criatividade! Amei, amei!!

Vem ver alguns cliques…

Foco para Cara Delevingne roubando a cena na passarela e Rihanna no front row!

Eu achei demais! E vocês??

Beijos,
Fernanda Guimarães.



aaaaaaa
11



Dicas de Paris por Sabrina Cunha

25 out , 2010
Por: Fernanda Guimarães

Sabemos que vocês amaaam dicas de viagem, é um dos assuntos que eu mais amo nesse mundo e nunca é demais dividir aquelas informações preciosas na hora de conhecer um novo lugar né??

Dessa vez, convidamos a nossa friend Sabrina para dar umas diquinhas de Paris. Mas a Sá, que conhece beem a capital francesa, fez um roteiro compleeto da cidade! Ficou giga, mas ficou incrível gente!!

Vocês vão amar…

ATRAÇÕES

Torre Eiffel

O símbolo da Cidade Luz está sempre cheio, então prepare uma dose extra de paciência para a visita. Tente fugir dos dias e horários de pico, como fins de semana e a parte da tarde. A subida pode ser feita por escada ou elevadores até o primeiro deck. Se optar em ter uma vista do ponto mais alto, terá que pegar o elevador e o valor do ingresso é maior. No verão, a pedida é um piquenique no fim da tarde, para esperar o show de luzes que começa no anoitecer.

Champs-Elysées / Arco do Triunfo

A avenida mais famosa de Paris é repleta de megastores e também itbrands. Se for de dia, aproveite para visitar o Arco do Triunfo. Assim como a Torre Eiffel, vale a pena subir se for a sua primeira vez na cidade, mas não é indispensável: a subida é feita por escadas e, por não ser tão alto, a vista não é das mais bonitas.

Jardim de Luxemburgo

Perfeito para ler um livro e para fazer um piquenique durante o verão, o Jardim de Luxemburgo fica lotado de turistas e moradores aproveitando o sol e o calor tão esperado na cidade. No inverno, ainda vale a visita aos seus palácios, estátuas e lagos, geralmente congelados quando as temperaturas estão muito baixas.

Sacre Coeur / Notre Dame / Medalha Milagrosa

São as igrejas mais famosas de Paris e assistir uma de suas missas é, sem dúvida, uma experiência incrível. A Sacre Coeur está localizada no alto da cidade, na região de Montmartre, o que faz da vista uma atração a parte. A Notre Dame oferece a beleza e o mistério dos seus vitrais. Já a Capela da Medalha Milagrosa é pequena e muito charmosa. Lá você pode comprar as tradicionais medalhas que dão nome à capela como lembrança.

Museu do Louvre / Jardins de Tulleries

Mesmo que você não seja uma apaixonada por artes não vai se decepcionar com o Louvre. As obras mais importantes e os personagens mais relevantes da história reunidos, como o famoso retrato de Monalisa, a estátua da Venus de Milo, os aposentos de Napoleão Bonaparte, além da história das antigas civilizações. Reserve pelo menos metade do seu dia para a visita, o Louvre é imenso. Na saída, aproveite para dar um passeio pelos Jardins de Tulleries, que ficam na frente do museu.

Rio Sena

É o rio que corta toda a grande Paris. Você pode conhecê-lo andando por suas margens, onde vai encontrar vendedores de artesanato, livros antigos e obras de arte, ou pode fazer o passeio de barco, onde pode inclusive jantar ou tomar um drink. No verão, as margens do Sena se transformam em praia, a Paris Plage, com areia, espreguiçadeiras e chuveiros.

CULINÁRIA TÍPICA

Visitar Paris e não experimentar sua culinária é como ir à Roma e não ver o Papa. Sente em um café, esqueça o relógio e viva todo o charme do cotidiano dos parisienses. Coma uma baguete na rua mesmo e descubra o sabor desse sanduíche de pão francês tão famoso. O crepe também é uma delícia indispensável: existem várias creperies espalhadas pela cidade e vários sabores entre doces e salgados (o de banana com nutella é o meu preferido!). Se preferir algo mais sofisticado, o restaurante Kong, localizado no último andar do prédio da Kenzo, tem um excelente menu, uma vista deslumbrante e já foi cenário de produções como Sex and the City e até da novela Viver a Vida. Se quiser um restaurante legal mas não tem muitos euros pra gastar, uma boa opção é o Relais de L’Entrecôte. O famoso bife de entrecôte acompanhado de fritas e um molho especial é o único prato servido na casa, cabe ao cliente apenas escolher se quer bem ou mal passado. De sobremesa, o sorvete da Dilleto ou um “Macarron” (docinho típico) na Fouchon são uma boa pedida.

COMPRAS

Na minha opinião o melhor lugar pra comprar os itens da lista de beauté e das it-brands é a Galeria Lafayette. Tudo reunido em um só lugar, com muitas opções, facilita bastante na hora das compras. Nos meses de janeiro e julho, alta temporada, acontecem as grandes promoções. Ao lado da Lafayette tem outra loja de departamento que vale a visita, a Printemps, que segue a mesma linha e ainda tem uma vista linda no seu terraço. Não se esqueça de guardar os cupons e pedir o formulário do detaxe (tax free), para receber de volta 12% do valor total das compras.
Não deixe de visitar a Rue Saint Honoré e Avenue Montaigne, os endereços que abrigam as grifes mais luxuosas da cidade.
Também não dá pra deixar de passar na Sephora, perfumaria que, apesar de estar presente em várias cidades do mundo, é genuinamente francesa. São várias delas espalhadas por Paris.

OUTLET

Localizado nos arredores de Paris, o outlet La Vallée Village vale a visita. Ele segue os padrões das grandes redes de outlet e tem marcas como Diesel, Lacoste, Polo, Tommy Hilfiger e a francesa Longchamp. Para chegar até lá é preciso pegar o RER (metrô que serve as cercanias da cidade) linha B e saltar na penúltima estação, Marne La Vallée, uma antes da Disney. É bom ressaltar que as opções e os preços não são tão bons quanto os de outlets americanos, mas com sorte e planejamento para fugir dos dias e horários de pico, o passeio compensa.

BALADAS

Paris é conhecida também por suas noites super animadas e ecléticas. Entre as mais famosas estão a VIP Room, a Rex e a Favela Chic, um bar/balada que é o reduto brasileiro na cidade. Mas se o ânimo não é suficiente para uma balada, uma boa opção é um drink no Buddha Bar, ao som de uma lounge music de qualidade, ou no sofisticado Bar do Hotel Ritz.

TIPS

Os franceses têm a fama de serem muito antipáticos e não gostarem de dar informações aos turistas. Realmente, eles não são dos mais simpáticos, mas o que eles não gostam mesmo é de ter que falar inglês, por uma questão histórica e cultural. Então, se você não domina o idioma, tente aprender pelo menos algumas palavras básicas em francês antes de embarcar pra Paris.

Se você for ficar por um período mais longo em Paris, vale a pena alugar um pequeno apartamento, que eles chamam de studio. Eles podem ter 1 ou 2 quartos, com banheiro, as vezes uma pequena sala e cozinha.

No primeiro domingo de cada mês algumas atrações de Paris têm entrada gratuita. A maioria dos museus e alguns monumentos estão nessa lista, vale a pena conferir.
………………………………………………………………………………………………………………………………………………..
É isso pessoal!! Espero que tenham gostado!!!

E Sá, muitíssimo obrigada por esse meega roteiro, amamos!!

Quem quiser mais roteirinhos como esse clica aí pra ver o de Buenos Aires, Portugal, NY, Miami e Orlando… E muito mais na tag “Dicas de Viagem” aqui no canto esquerdo da tela!

Quem tiver mais dicas pode dividir aí nos comentários também, merece vários né??

Beijos,
Fernanda Guimarães.



aaaaaaa
3



Arquivos