ARQUIVOS ENCONTRADOS EM "South Africa"

Honeymoon: Kapama, South Africa!

16 mar , 2015
Por: Paula Guimarães

Quando organizamos a nossa lua de mel, fizemos questão de incluir uma parte mais exótica e até inusitada, que se encaixava perfeitamente no roteiro e em toda logística. Logo que nos foi mostrado pelo pessoal da Alecram o Kapama Game Reserve, vimos que seria perfeito para nós.

O Kapama é um complexo de hoteis focados em Safari, que oferece serviços e atividades envolvendo a natureza e claro os animais. Nunca pensei que pudesse gostar tanto de uma passeio como esse…

Ficamos no Kapama River Lodge, um hotel no meio do nada (literalmente), mas que possui uma infra-estrutura surreal. Atendimento nota mil (o garçom que te atende no café da manhã te atende no almoço e também no jantar e detalhe: todos os dias! Muito bacana você ser atendida todos os dias e ser chamada pelo nome, né? Adorei!), comidas maravilhosas (o café da manhã mais delicioso dos últimos tempos!), quarto impecável – as vezes as camareiras o arrumavam de duas a três vezes por dia – com uma vista linda e os guias do Safari super gentis e o melhor, estudados e experientes! Isso nos passou muita confiança.

Ficamos três noites e lá seguimos uma rotina! Acordávamos as 05:30a.m e tomávamos o primeiro café da manhã do dia (esse primeiro café era algo mais simples, só mesmo para iniciarmos o Safari) e nos encontrávamos logo em seguida com o grupo – ficamos com mais dois casais no Jeep – para o primeiro Safari do dia as 06a.m. No começinho da manhã era bem frio, eu saia de casacão, mas logo abria um sol lindo e bem quente. Chapéu e óculos são indispensáveis em um tipo de passeio como esse… Muito vento, alguns bichinhos e até mesmo sol!
No meio do passeio nosso guia parava para nosso segundo café da manhà, dessa vez no meia da Safana, aquela coisa de filme mesmo – chocolate quente, cafézinho e alguns biscoitos! Esse Safari sempre terminava por volta das 10hs da manhã, que era quando a gente seguia direto p/ hotel e ia para o cafe da manhã de verdade! O MELHOR E MAIS COMPLETO DE TODOS! Haha Dois dias eu nem consegui almoçar de tanto que comia hahah

Depois ficamos livre para almoçar, ir ao spa, ficar no quarto.. enfim, a próxima programação só acontecia as 16hs, o segundo Safari do dia.

Como no café da manhã, no período da tarde também a gente também tinha um lanchinho antes do passeio! Durava em torno de três horas também, com direito a uma parada (dessa vez serviam bebidinhas alcoolicas e peticos, digamos que um esquenta para o jantar! haha), mas tudo dependia do que ou melhor, de quem a gente encontrava. O dia quem encontramos um casal de leopardo, por exemplo, a gente ficava até tarde para conseguir a melhor foto.. o melhor ânulo, para chegar o mais perto possível, enfim, aó não tinha hora para voltar para o hotel! E o frio? Eu quase congelava! Muuuuito, muuuuito frio mesmo!

Quando a gente chegava no hotel o jantar já estava sendo servido e uma coisa que eu ainda não falei; a gente jantava sempre com nosso guia e com as mesmas pessoas que faziam o Safari conosco! O guia ficava sempre na ponta da mesa e era bem legal poder conhecer um pouco mais das pessoas, adorei isso! Mas isso só acontecia no jantar!

No jantar sempre tinha muita comida – das normais as mais exóticas – e as melhores sobremesas ever! Tudo delicioso!

Eu amei o hotel e o tipo de passeio me encantou, voltaria mil vezes!

O que acharam de tudo isso? Encarariam essa aventura? PS. Os guias no primeiro dia antes do Safari nos passam algumas regras 1. Jamais levantar dentro do Jeep, ou fazem movimentos bruscos.
2- Não tirar foto com flash de determinados animais a noite {alguns tinham sensibilidade e até o farol do Jeep tinha que ser reduzido}.
3- NUNCA tocar nos animais e nem mesmo alimentá-los.

Espero que tenham gostado do post!

Beijos,
Paula Guimarães.



aaaaaaa
26



Honeymoon: Mauritius Island!

6 jan , 2015
Por: Paula Guimarães

Hello!

Primeiro post de 2015 não podia ser outro, né? Vou contar para vocês um pouco da minha lua de mel (Saudade só de lembrar!).

Quem organizou nossa lua de mel foi a Alecram Viagens (Já falei dela aqui quando viajei para Miami, lembram? #bridesinthecity) e desde o começo eu e meu noivo queríamos um destino diferente, ou, pelo menos, não trivial! De cara, a Marcela, proprietária da Alecram, pensou na Tailândia e nós amamos a ideia, mas bem na semana de fechar a viagem houve um imprevisto e tivemos que partir para uma segunda opção.

Eu já conhecia a Cidade do Cabo, na Africa do Sul, e quando ela nos apresentou o roteiro – Ilhas Maurício, Safari no Kapama e para finalizar a famosa Cidade do Cabo – não pensamos duas vezes! Amamos!

Hoje vou falar da nossa primeira parada: Mauritius! Já tinha visto fotos, lido algumas coisas sobre o lugar mas confesso que não imaginava um lugar tão lindo! Optamos por um hotel boutique, com serviço all incluse e com muitas atividades aquáticas! As águas do oceano índico são ainda mais bonitos ao vivo, acreditem…

O Paradise Cove Hotel & Spa é maravilhoso e possui um serviço impecável! Todos os garçons são mega solícitos, com um mega sorriso no rosto e te chamando pelo nome, sempre. A mão de obra é primordialmente Indiana – bem como grande parte dos habitantes da ilha – e eles são extremamente atenciosos e preocupados em lhe atender da melhor forma possível. Realmente os serviços de hotelaria são um ponto forte.

Ficamos 5 noites lá e eu não sai do nosso hotel um dia sequer. O hotel possui seus próprios restaurantes e uma programação super legal para o jantar. Cada dia tínhamos reserva para um “local” diferente e os mesmo tinham seus serviços e cardápios distintos. Todas as manhãs a gente recebia a programação do dia com as atividades, seus horários e, ainda, todas as informações sobre o jantar do dia! Teve jantar a la carte, a luz de velas, temático, na beira da praia…. Muito legal!

Fizemos de tudo um pouco no hotel… Tinha mergulho com instrutor, wakeboard, ski aquático, passeio de caiaque no mar e etc. Isso sem contar as horas de descanso na belíssima piscina de borda infinita com vista para o Índico, lendo um livro, tomando uns sucos exótico ou, melhor, contemplando a natureza maravilhosa.

Uma coisa que eu diria para quem for é que não deixe de fazer o passeio de barco (normalmente é oferecido pelas operadoras que vão nos hotéis!). Saímos bem cedo do hotel no traslado da operadora (já incluído no passeio) e fomos para a Marina onde embarcamos, e de lá seguimos para um dia regado a muito sol, paisagens lindas e fotos deslumbrantes! Nesse dia também fizemos Sun Parasail, aquele paraquedas puxado por uma lancha com uma vista surreal de linda de toda ilha! Ele vai beeeem alto, mas é tudo tão maravilhoso lá de cima que a altura é só um detalhe!

Espero que tenham gostado!

Beijos
Paula Guimarães



aaaaaaa
32



South Africa 2008 – Parte ll

17 mai , 2011
Por: Fernanda Guimarães

Já contamos aqui um pouquinho sobre a viagem que fizemos para Cape Town, na África do Sul, em 2008! Hoje mostraremos a segunda e última parte, com bastante fotos!!

A cidade venta muuuito, reparem que em quase todas as fotos os cabelo estão bagunçados, hehe! No primeiro dia chegamos a pegar ventos de 34 km/h, acreditam? Foi um baita susto!

Mas agora, vamos ao que interessa: vou falar de mais alguns passeios que fizemos por lá (como já disse, a cidade é super turística, então coisa pra fazer e lugar para conhecer é o que não falta, rs)…

Table Mountain: é uma montanha qe você sobre de bondinho (tipo no Pão de Açúcar mesmo!) e de lá a vista é incrível! Ficávamos paradas observando e maravilhadas com a beleza da cidade, sem exagero…


Victoria and Alfred Waterfront: íamos pra lá quase todos os dias! É um shopping com algumas partes ao ar livre, vários barcos na beira, restaurantes… Não é o melhor lugar para fazer compras (na verdade, não é uma viagem de consumo como os EUA, e sim totalmente cultural!), mas é super lindo, com várias apresentações locais e tal…


Cape point e Cape of Good Hope: os pontos turísticos mais lindos da cidade (e que mais ventam também, hehe)! Ficam no mesmo local… O Cape Point é o encontro dos oceanos, lindo de morrer, e mais um poquinho de caminhada você chega ao Cape of Good Hope (ou Cabo da Boa Esperança)! Por lá você encontra vários macaquinhos e tem que tomar cuidado, pois eles roubam tudo! O sanduíche do meu primo por exemplo, foi embora, haha! Olhem só as paisagens fascinantes…

De deixar qualquer queixo caído, né?? Morro de vontade de voltar!!!

Algumas curiosidades sobre a viagem…
- O rugby para os sul africanos, é como o futebol para os brasileiros. Inclusive compramos a camiseta do time de lá, rs, os jogos eram transmitidos em todos os lugares.
- Voamos de South African Airways (acho que foram umas 10hrs até Johannesburg e mais umas 3hrs até Cape Town, saindo de SP).
- A língua local é o inglês, mas com um sotaque beeeem diferente (parecido com francês).
- Não são o povo mais simpático do mundo com os turistas. É bom ficar atento pois os táxis são super “malandrinhos” e adoram nos passar para trás, haha.
- Menores de 18 anos pagam meia para entrar na maioria desses pontos turísticos. Como eu tinha 14 anos na época, sempre gastava bem menos, hehe.

É basicamente isso… Não tenho muito o que falar! Acho que as fotos conseguem transmitir a energia desse local maravilhoso!! Espero que tenham gostado!!!

*Não se esqueçam de participar do nosso sorteio!

Beijos,
Fernanda Guimarães.



aaaaaaa
2



SOUTH AFRICA 2008 – Parte l

11 mai , 2011
Por: Paula Guimarães

Já faz um tempinho que queria fazer esse post pra vocês! Vou mostrar hoje (a primeira parte) um pouquinho da viagem que fizemos para a África do Sul em 2008!

Só olhando as fotos fui me dar conta de quanto tempo se passou… A Fê ainda usava aparelho, as roupas eram totalmente diferentes e nem sonhávamos que um dia teríamos o blog!!

Aproveitamos o feriado da Semana Santa e fomos passar 8 dias em Cape Town (ou Cidade do Cabo), eu, a Fê, a Nathi e dois primos! Imaginem a aventura? Haha. Já tínhamos lido bastante sobre o local e estávamos loucos para conhecer!!

Não conseguimos economizar nas fotos, não queremos deixar passar nada! Então ignorem as carinhas de bebê e os looks ultrapassados, hehe…


Johannesburg: A ideia inicial era fazer apenas escala em Johannesburg, mas com o atraso do vôo tivemos que passar uma noite na cidade! Reparem a contagem regressiva para a copa do mundo, faltavam 818 dias…


Cape Town:
no nosso destino original nos hospedamos no Ritz, que fica em Sea Point! Um bairro super bem localizado e na beira do mar. A cidade lembra bastante o Rio de Janeiro! As pessoas são super alegres (menos os táxis, muito cuidado rs) e a natureza está presente por todos os lados…


Boulders Beach: é uma praia com pinguins! Dá pra imaginar? Você tomando sol e inúmeros deles no mar e até na areia! A praia é bem pequenininha, então fomos só conhecer…


Camps Bay Beach e Clifton Beach: são as praias mais badaladinhas da cidade! Muita gente bonita e casa e restaurantes incríveis na beira! O único problema é o mar, que apesar de ter uma cor maravilhosa, é muuuito gelado (muito mesmo!!). Mas sem dúvidas, um dos lugares mais lindos que já estive…

A segunda parte vem depois! Com muuuito mais fotos!!

Engraçado ver essas fotos antigas né!? hehe. Mas não podíamos deixar de dar essa dica! Quem tiver a oportunidade de conhecer algum dia, não pense duas vezes!!

Alguém aí conhece a África do Sul??

Beijinhos,
Paula Guimarães.



aaaaaaa
3



 

Arquivos